domingo, 27 de novembro de 2011

2012 ..

Me decifre ...

“Deveríamos” “usar” “as” “aspas” “frequentemente”, “pois” “vivemos” “num” “mundo” “onde” “cada” “palavra” “esconde” “mais” “do” “que” “seu” “próprio” “significado”.

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Imagina ...

Imagina um lugar perfeito, é… imaginou ? Um lugar lindo, pode ser uma praia ou um campo se você preferir, imagina nós dois lá, sem se preocupar se alguém vai nos interromper como nas outras vezes, sem se preocupar com o tempo, seria apenas eu e você só nós dois, só a dois...

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Os 10 Momentos que vivi e estou vivendo em 2011 ...

  1. “Resolvi me afastar, e agora estou tentando tirar da cabeça. Não estou conseguindo, porém tentando. Não consigo mais aceitar relações pela metade. Em outras palavras, raspas e restos não me interessam.”
  2. “Deixo-te livre para sentir minha falta, se é que faço falta. Tens meu número, na verdade, meu coração, então se sentir vontade de falar comigo, me procura você
  3. “– Porque nos apaixonamos por uma pessoa mesmo sabendo que ela é errada? 
    – Essa eu sei a resposta! Porque você espera estar enganado, e sempre que ela faz uma coisa que mostra que ela não é boa, você a ignora, e sempre que ela age bem e te surpreende, ela te reconquista. E aí você esquece a idéia de que ela não serve pra você.”
  4. Engasga. Engole as palavras. Tosse para respirar. Mas se o nó na garganta apertar… diz tudo! E desnuda a alma.
  5. “Sou complexa, sou mistura, sou mulher com cara de menina… E vice-versa. Me perco, me procuro e me acho. E quando necessário, enlouqueço e deixo rolar…
    Não me dôo pela metade, não sou tua meio amiga nem teu quase amor. Ou sou tudo ou sou nada. Não suporto meio termos. Sou boba, mas não sou burra. Ingênua, mas não santa. Sou pessoa de riso fácil… E choro também!”
  6. “Então estávamos lá mais uma vez, olhando nos olhos. Aquele silêncio de sempre, por onde começar a dizer… Talvez fosse melhor não dizer nada, porque palavras quando ditas sem razão ferem mais que qualquer silêncio.
  7.   “Tenho medo de que tudo seja uma mentira e de verdade sinto que é, mas ainda acordo feliz todos os dias esperando que ao menos você seja verdade.”
  8. " se tudo que vivi foi ilusão, o que é o amor afinal ? "
  9. "  Esse ano foi o ano dos vampiros: Sugaram o pouco de amor que eu tinha no peito " FFM 
  10. No fim, você só precisava de uma resposta. Se seria positiva, negativa, não importava, realmente. Você só precisava de uma resposta qualquer. ( Sim ou não Bastava) "





 OBS: TRECHOS TIRADOS DO MEU DIÁRIO... THAYS BONISSATO




     

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Momento Caio F.


Algumas coisas não servem mais. Você sabe. Chega. Porque guardar roupa velha dentro da gaveta é como ocupar o coração com alguém que não lhe serve. Perda de espaço, tempo, paciência e sentimento. Tem tanta gente interessante por aí querendo entrar. Deixa. Deixa entrar: na vida, no coração, na cabeça. Caio Fernando Abreu








A.M.F.P.B.P